Ligue para nós

1639455572

Segunda à Sexta

07:00 às 17:00 hr

Mapa de risco: para que serve e como montar

  • Home
  • Mapa de risco: para que serve e como montar

Mapa de risco: para que serve e como montar

Douglas Pascual 10 Jun 2020 Educativo

A segurança dos trabalhadores, não consiste em apenas fornecer Equipamento de Proteção Individual (EPI), além disso, traçar um mapa de riscos, é fundamental para diminuir os acidentes no ambiente de serviço. 

 

Para que isso ocorra, é necessário diagnosticar os riscos reais do ambiente de trabalho, conhecer toda área e saber quais os riscos que os trabalhadores estão expostos é fundamental para desenvolver o projeto. Hoje preparamos um conteúdo relacionado ao mapa de risco, veja a seguir como realizá-lo em sua empresa.

 

Mapa de Risco

É um documento que visa garantir a proteção de todos os funcionários de uma empresa. Esse mapa relata todos os riscos que o ambiente de trabalho oferece aos colaboradores.

 

Para que ele seja feito, é necessária uma avaliação completa do local. Logo após isso, é possível identificar quais os riscos oferecidos naquele ambiente de trabalho que, é representado em um gráfico que dimensiona o tamanho do risco e, como consequência, como evitá-los ou eliminá-los. Esses riscos podem ser relacionados à diferentes áreas como:

 

  • Equipamentos
  • Materiais
  • Espaços de trabalho
  • Turnos de Trabalho
  • Ritmo de Trabalho
  • Posturas
  • Treinamentos
  • Arranjos físicos 
  • Metodologias 

 

Além desses pontos citados, há vários outros riscos.

 

Qual sua utilização?

Como já foi citado, o Mapa de Risco, tem como principal objetivo identificar os riscos que o ambiente traz aos funcionários. Sua função é que seja tomada as melhores providências em relação à segurança dos trabalhadores.

 

Riscos classificado em grupos de cores:

 

  • Risco biológico – cor marrom;
  • Risco de Acidentes – cor azul;
  • Risco Químico – cor vermelha;
  • Risco Ergonômico – cor amarela
  • Risco Físico – cor verde.

 

Montando um mapa de risco 

Inicialmente, é necessário ter um profissional capacitado para a elaboração do Mapa de Risco. Esse profissional pode ser um Técnico de Segurança. Para que o mapa seja feito, é necessário identificar primordialmente todos os riscos que o ambiente oferece ao trabalhador. Logo após essa identificação, é a hora de entender quais são os profissionais que estão expostos aos riscos e como isso pode acontecer.

 

Em seguida, é necessário conhecer quais ações preventivas que podem ser elaboradas e que sejam eficientes para garantir a segurança dos trabalhadores. Além disso, é essencial tomar as medidas cabíveis para que o risco de acidentes seja o menor possível.

 

Na fase final, é necessário realizar um registro de tudo aquilo que foi feito durante a elaboração do Mapa de Risco. Cada um dos riscos descobertos, deve ser documentado.

 

Esse etapa final é muito importante para que as empresas estejam de acordo com aquilo que é estabelecido pelas Normas Regulamentadoras. Além de garantir que todas as etapas do Mapa de Risco seja cumpridas, isso resulta em um ambiente de trabalho mais seguro.

 

Realize o Mapa de Risco em sua empresa e assegure a proteção de seus funcionários. Gostou do nosso conteúdo? Qualquer dúvida entre em contato conosco através do telefone: (16) 3945-5572.

  • Compartilhe:

Para maiores informações

Possuimos um departamento técnico especializado para atender as demandas personalizadas para cada situação.